Semana da imunodeficiência Primária

Seu filho fica mais doente do que o normal? Tem infecções de repetição? Quando é preciso ficar alerta? Semana Mundial da Imunodeficiência primária. O que é isso?

Fonte: Grupo Brasileiro de Imunodeficiência. (www.imunopediatria.org.br/)
Fonte: Grupo Brasileiro de Imunodeficiência. (www.imunopediatria.org.br/)

 

Estamos na Semana de Conscientização da Imunodeficiência Primária. No ano passado escrevi esse texto para o Mãe de Guri. E compartilho agora aqui com vocês.

Todo mundo pensa que criança ficar doente é “normal”. E realmente é. Mas existem alguns sinais que podem indicar que a criança está ficando mais doente do que o normal e que é bom dar uma olhada para ver se o sistema imunológico está funcionando bem.

O que é Imunodeficiência Primária?

Como eu já expliquei aqui algumas vezes o o sistema imunológico são os  “soldados” do nosso corpo, que protegem contra o ataque dos microorganismos (vírus, bactérias e fungos). Cada grupo de soldados é responsável por destruir um tipo de microorganismo. Alguns fazem o combate no “corpo a corpo”, outro usam armas, etc.

Imunodeficiência Primária é um grupo de mais de 150 doenças que acontecem por algum erro genético e afetam esses “soldados”. Ou seja, as pessoas já nascem com uma alteração nas células de defesa que vai fazer com ela seja mais susceptível às infecções e tenha infecções de repetição. Essa alteração pode ser mais ou menos grave, dependendo de qual grupo de células estão afetadas.

Só criança pode ter imunodeficiência primária?

Não. Os primeiros sinais costumam acontecer ainda na infância. Nos casos mais graves podem aparecer já nos primeiros meses de vida. Mas às vezes, dependendo do tipo da doença, algumas pessoas acabam descobrindo só na adolescência ou na fase adulta que alguma parte do sistema imunológico não está funcionando bem.

Qual é a importância dessa Semana de Conscientização? 

Acredita-se que no Brasil muitas pessoas ainda não tenham o diagnóstico correto e por isso continuam a sofrer com as infecções sem receber a atenção necessária.

O diagnóstico precoce, ou seja, logo no início dos sintomas permite buscar maneiras de prevenir as infecções e proceder com o tratamento adequado, melhorando a qualidade de vida dessas crianças e diminuindo os riscos delas pegarem infeções graves que coloquem a vida em risco.

Qual é o médico que trata as imunodeficiências primárias? 

Mesmo entre os médicos as imunodeficiências não são muito conhecidas, e esses pacientes precisam ser encaminhados para Centros de Referência, especializado no assunto. O médico responsável por conduzir e tratar esses casos é o Imunologista. No Brasil a especialidade está junto com a Alergia. E por isso se chama Alergia e Imunologia.

Quais são as infecções que devemos prestar atenção?

Os 10 sinais de ALERTA para Imunodeficiência Primária, estão na imagem acima

Se seu filho anda ficando muito doente, o melhor a fazer é conversar com Seu Pediatra. Ele irá avaliar se é necessário solicitar algum exame e se é preciso encaminhá-lo para uma avaliação com o especialista.

Beijos,

Dra. Fernanda Freire

 

Mais informação sobre Imunodeficiência primária você encontra aqui:

http://www.abri.com.br/

http://www.imunopediatria.org.br/

http://www.worldpiweek.org/

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Não perca as novidades!