Quem tomou vacina pode pegar catapora?

Veja o que é varicela, como proteger seu filho, se quem tomou vacina pode pegar catapora e por que vale a pena vacinar crianças e adultos. 

Fonte: 123RF
Fonte: 123RF

Em algumas cidades do país estão ocorrendo surtos de varicela, e quando isso acontece surgem também um monte de dúvidas na cabeça das mães sobre como proteger os filhos.

O que é Varicela?

Também conhecida como catapora, varicela é uma daquelas doenças típicas da infância que você provavelmente já teve. É provocada por um vírus chamado Varicela-Zoster e causa febre e lesões na pele, que coçam muito (se você teve, você deve se lembrar). É uma doença altamente contagiosa, o que quer dizer que passa muito fácil de uma pessoa para outra.

Pode acontecer em qualquer época do ano. Mas na primavera notamos aumento nos números de casos.

Como proteger seu filho?

A vacina contra varicela só foi adicionada ao calendário básico recentemente, em 2013. E por enquanto apenas as crianças de 15 meses tem o direito de recebê-la gratuitamente pelo SUS. Nesse caso a vacina é aplicada junto com a tríplice viral. Ou seja, os maiorzinhos que não receberam a vacina correm mais risco de contrair a doença.

Ainda assim, muitas mães já concientes de que a vacina poderia evitar esse problema, optaram por pagar pela vacina. E como algumas vezes as crianças que receberam a vacina surgem com lesões na pele, e são diagnosticadas como catapora, isso pode gerar mais interrogações.

Afinal, quem tomou a vacina pode ter catapora?

Os estudos relatam que a vacina tem uma eficácia (funciona) entre 70-90%. Então algumas poucas pessoas que tomaram a vacina podem sim acabar pegando a doença do mesmo jeito.

E então, vale a pena vacinar seu filho se ele ainda não recebeu a vacina?

Vale muito a pena vacinar, porque a proteção contra as formas graves é de 95-98%. São poucos os vacinados que terão catapora. E quem recebeu a vacina, quando pega a catapora, geralmente apresenta uma doença bem mais leve, com poucas lesões na pele.

Além disso, outro benefício da vacina é que ela pode proteger mesmo se seu filho já teve contato com algum doente. Se surgiu algum caso na escola dele, ele ainda pode ser vacinado para evitar a doença. Nesse caso a vacina deve ser dada em até 3 dias após ter tido contato para que tentar que ele não desenvolva a doença. Então o quanto antes vacinar, é melhor.

Os adultos que têm risco de contrair a doença também podem e devem ser vacinados, porque a doença em adultos tem mais complicações.

E quem já teve a doença precisa vacinar?

Quem já teve a doença pode ficar tranquilo, que não pega de novo. Mas pode acontecer de alguém achar que já teve catapora, mas ter tido outra doença parecida. Nesse caso a pessoa ainda pode ter catapora.

Se você tem dúvida se seu filho teve ou não, o pediatra pode solicitar um exame de sangue para ver se ele já teve ou se precisa vacinar. Discuta com ele se vale a pena fazer o exame.

Quem não pode ser vacinado?

Grávidas, menores de 1 ano e pessoas com imunodeficiência (baixa imunidade) devem ser avaliados por seus médicos.

E seu filho já teve catapora?  Se você tem dúvidas ou sugestões compartilhe com a gente clicando aqui ou direto no seupediatra@gmail.com. Curta nossa FanPage no Facebook e envie seu comentário.

Dra. Fernanda Freire

Não perca as novidades!