Qual a diferença entre Prebióticos e Probióticos?

O que é Prebiótico? O que é Probiótico? Qual a diferença entre prebióticos e probióticos? Veja a função deles e os benefícios que eles trazem para a saúde.

prebióticoseprobióticosNa semana passada deciframos o que é antibiótico, se você perdeu clique aqui. Essa semana vamos falar de dois “parentes” que tem a função muito diferente: os Prebióticos e os Probióticos.

Eles estão no leite do bebê, no nosso iogurte, e cada vez aparecem mais na embalagens dos alimentos. Às vezes são a razão de um produto ser mais caro que o outro. Mas afinal o que é no Prebiótico e o que é probiotico? Qual a diferença entre Prebióticos e Probióticos?

Como você sabe, não existe ninguém 100% bom nem 100% mau. E com as bactérias não podia ser diferente, existem muitas bactérias ruins, mas também existem bactérias boas. Nosso intestino está cheio delas. A chamada “flora intestinal” é um conjunto de bactérias que vivem no nosso intestino de maneira equilibrada e nos protegem de algumas doenças.

Qual a diferença entre Prebióticos e Probióticos?

Os Prebióticos são alimentos para essas bactérias boas do intestino. São tipos de fibras alimentares que vão ajudar as bactérias boas à crescerem, e ficarem ali fortes para combater as bactérias ruins. O leite materno tem muito Prebióticos, que vai ajudar a proteger o bebê. E por isso as fórmulas infantis também colocam  Prebióticos, mas é claro que o leite materno é sempre melhor.

Talvez você já tenha visto com os nomes de inulina e oligofrutose.

Já os probióticos são as próprias bactérias boas vivas. Você já deve conhecer de algum lugar, Bifidobacterium e Lactobacillus são as principais. Lembra desses nomes? Estão em vários alimentos, e para que elas cheguem vivas ao intestino precisam estar em um número adequado.

Qual o benefício dos Prebióticos e probióticos?

Manter uma flora intestinal equilibrada e cheia de bactérias boas faz bem para todo o corpo. Além de ajudar a manter o intestino saudável, elas ajudam na digestão e na absorção de nutrientes. Além disso, ajudam a evitar tanto a diarréia, quanto a constipação (intestino preso).

Elas reforçam as nossas defesas, estimulando o nosso sistema imunológico. E muitos estudos referem que as bactérias boas do intestino ajudam a reduzir o risco de algumas doenças, como doenças cardiovasculares e doenças inflamatórias.

Precisa conhecer bem os alimentos que contém prebióticos e probióticos antes de sair comprando qualquer produto. Converse com seu pediatra ou nutricionista e veja quais ele recomenda para você e seu filho.

Já Curtiu Seu Pediatra? Compartilhe com uma Amiga:

Dra. Fernanda Freire

Não perca as novidades!