O que é icterícia?

O nome é estranho, mas você certamente já ouviu falar: O que significa icterícia? E quando e porque alguém fica ictérico?

ictericiaIcterícia é o amarelamento da pele, das mucosas e dos olhos. Isso acontece devido ao aumento de bilirrubina no sangue, um pigmento produzido por todo mundo devido a destruição das células do sangue (hemácias), que são frequentemente substituidas por células novas. E esse pigmento é eliminado pelo fígado através da bile, que é jogada no intestino.

Então a icterícia acontece ou quando existe uma destruição muito grande de hemácias (hemólise), ou quando o fígado não consegue expulsar esse componente.

Ouvimos sempre falar na icterícia do recém-nascido, o amarelão. Eles ficam amarelinhos porque nascem com um grande número de células sanguíneas que são naturalmente destruídas mas em pequena quantidade. O problema é que muitas vezes o fígado dele ainda não é maduro o suficiente para processar tudo. E aí ele fica um pouquinho amarelinho. Essa icterícia é chamada de fisiológica, e desaparece em torno de 10 dias.

Em outros casos, pode acontecer no recém nascido uma destruição das células acima do normal por uma incompatibilidade do sangue da mãe com o sangue do bebê. Nesses casos o nível de bilirrubina no sangue fica muito alto e são considerados patológicos, devendo ser tratados no hospital.

Mas crianças grandes ou adultos também podem apresentar icterícia, quando tem alguma doença que destrói as células do sangue, como a anemia falciforme, ou quando tem alguma doença no fígado, como a hepatite por exemplo. Nesse caso o fígado não consegue processar e eliminar a bilirrubina que se acumula no sangue.

Existem muitas doenças que podem levar uma pessoa a ficar ictérica (amarela). Tirando o caso do recém nascido, não é normal ficar com a pele ou olhos amarelados, procure o médico. E mesmo o bebê recém nascido deve ser acompanhado de perto pelo pediatra, porque o excesso de bilirrubina pode ser tóxico para o cérebro dele, por isso fique atenta e converse com seu pediatra.

Ficou um pouco mais claro?

Ainda tem alguma dúvida? 
Entre em contato conosco clicando aqui ou direto no seupediatra@gmail.com. Sugira termos para o próximo #decifrando. Curta nossa FanPage no Facebook.

Dra. Fernanda Freire

Não perca as novidades!